Dr. Lísias Nogueira Castilho - Urologista | Fone: (19)32540225 / 3112-4600

Dra. Silvia Diez Castilho - Pediatra | Fone: (19)25136091

Artigos

Insuficiência renal - diálise ou transplante!

Também os líquidos que temos em excesso, como depois de beber muita cerveja. Quando os rins ficam gravemente doentes, não resta outra alternativa que não substituí-los. São duas as possibilidades: a substituição por uma máquina de filtração — a diálise —, ou o transplante renal. A primeira alternativa não é grande coisa porque não cura, apenas prolonga a vida. Já a alternativa do transplante de rim é muito mais atraente porque pode curar completamente o paciente. Faz mais ou menos 40 anos que os transplantes de rim são praticados rotineiramente, embora tenham sido “bolados” há mais de 100 anos. No entanto, com a tecnologia desenvolvida no início do século XX foi possível tornar o transplante de rim um tratamento seguro e com alto índice de sucesso. Infelizmente o transplante de rim não pode ser feito em todos os doentes, ou porque o estado de saúde impede, ou porque a doença não permite, ou porque faltam rins para os pacientes. Esta última é a razão principal em nosso meio: são muitos os doentes e poucos os doadores. A fila para transplante de rim no Brasil tem em média 5 anos de espera atualmente. Os pacientes são tratados pela diálise enquanto esperam. No Brasil a maioria morre na fila do transplante, sem nunca realizar o sonho de ter um filtro novo, uma vida nova. Falo dos doentes pobres, naturalmente, porque os ricos sempre dão um jeito. A insuficiência renal crônica é um problema muito sério de saúde pública porque consome verbas fabulosas do governo com a diálise. A única saída que o governo tem, embora isso contrarie os interesses das multinacionais que fabricam os materiais de diálise e dos proprietários dos serviços de diálise, é o transplante de rim. Ao estimular os transplantes o governo estaria salvando um número maior de doentes e poupando um bocado de dinheiro. Vamos ver se as autoridades caminharão agora nessa direção, na direção dos transplantes.

Imprimir Email

0
0
0
s2sdefault